JORNAL MILENIO VIP

Histórias de Magé

Foto da família de Heitor dos Prazeres em Fazenda em Suruí Magé.

“Eu sou carioca boêmio e sambista, meu sangue é de artista não posso negar.

Vivo alegre, sou contra a tristeza e levo a vida feliz a cantar. Eu durmo cantando e canto dormindo e sempre sorrindo, meu coração diz: Quem é boêmio e não tem guarida, no palco da vida é sempre feliz. Mora comigo a felicidade, num quarto azulado enfeitado de flores. Meu leito é forrado de tranqüilidade e tenho a meu lado sempre dois amores.” Heitor dos Prazeres